Sexta, 19 de Agosto de 2022

Céu encoberto

Taboão da Serra - SP

Taboão da Serra Taboão da Serra

Relembre as histórias dos dois primeiros prefeitos de Taboão da Serra

Nicola Vivilechio e Laurita Ortega Mari foram os primeiros chefes do Executivo Taboanense

25/07/2022 às 09h06
Por: Por Charles Eliseu, para o Jornal SP Repórter Fonte: Charles Eliseu, jornalista do Jornal SP Repórter
Compartilhe:
Nicola Vivilechio e Laurita Ortega Mari foram os primeiros prefeitos de Taboão da Serra
Nicola Vivilechio e Laurita Ortega Mari foram os primeiros prefeitos de Taboão da Serra

Taboão da Serra passou a ser cidade em 1959. Com isso, as duas primeiras pessoas a governá-la foram Nicola Vivilechio e Laurita Ortega Mari.

Tratam-se de personalidades fundamentais para o início da construção e desenvolvimento social, econômico e político dos taboanenses.

Nicola Vivilechio

Nicola Vivilechio, que nasceu em 2 de setembro de 1928 e registrado em 1 de janeiro de 1929, foi, junto de outras personalidades, um dos articuladores de destaque na luta em prol da emancipação político-administrativa, que se seu em 1 de janeiro de 1959, sendo oficializada em 19 de fevereiro daquele ano. Antes deste processo, Taboão tinha status de distrito e pertencia a cidade de Itapecerica da Serra.

A história de Nicola sempre esteve fortemente atrelada a Taboão da Serra. Começou a trabalhar no Instituto Pinheiros , que ficava onde hoje se localiza o Parque Inocoop, aos 15 anos e continuou na empresa até os 30 anos. Foi nesta época que sua vida tomou, provavelmente, seu caminho mais importante: o comando do Poder Executivo da cidade. Foi em reuniões com os amigos que surgiram as sugestões para que ele se tornasse candidato a prefeito.

Com mandato de 1959 à 1963, Nicola enfrentou com muita dedicação as dificuldades naturais de uma cidade recém-fundada. Tudo começou do zero. Mesmo sendo prefeito, dirigiu por muitas vezes o caminhão da Prefeitura e por várias vezes ele mesmo fez serviços devido a falta de funcionários.

Em fevereiro de 1982, Nicola retornou ao cargo de prefeito por dez meses, pois o então prefeito Armando Andrade se afastou para se candidatar a deputado, e o vice-prefeito José Domingues de Moraes, também se afastou, para se candidatar a prefeito. Nicola era, à época vereador e presidente da Câmara Municipal. Sua passagem pelo Legislativo foi pelo período de um mandato, entre 1976 e 1981.

Laurita Ortega Mari 

Laurita Ortega Mari é, até hoje, a única mulher a ser prefeita da cidade. Aliás, ela foi além. Após a Era Vargas, em 1946, foi a primeira prefeita eleita do Brasil. Antes do período do presidente Getúlio, que ficou de 1930 a 1945 no poder, o país teve outras mulheres no cargo.

A vitória de Laurita (com 1347 votos) em 1963 ganhou, à época, uma página inteira de destaque no jornal O Estado de S. Paulo, na edição do dia 18 de outubro daquele ano. A manchete dizia: "A prefeita de Taboão da Serra não quer fazer política". 

Isso porque a recém-eleita contou à reportagem do diário que não tinha apego aos cargos públicos eletivos. "Apenas plantei para quem me suceder; só aceitei o lançamento da minha candidatura porque sou idealista e penso no povo de Taboão que precisa de grande ajuda e apoio moral". Laurita era assim! À frente de seu tempo.

O Estadão relatou ainda que ela doou seus vencimentos mensais (cem mil cruzeiros) para obras assistenciais. Entre 1964 e 1969, governou com foco no social e na consolidação de Taboão como um município, já que a cidade havia sido emancipada, até então, há pouco tempo, em 1959. Ela sucedeu Nicola Vivilechio, o primeiro prefeito da cidade. Entre seus feitos no comando da prefeitura, se destacam, por exemplo, as melhorias na Estrada Kizaemon Takeuti e a inauguração do Grupo Escolar do Jardim Maria Rosa, que mais tarde passou a se chamar Escola Estadual Antonio Inácio Maciel.

Após deixar a prefeitura, foi vereadora por um mandato. Laurita Ortega Mari nasceu no Rio de Janeiro, em 1908 e faleceu em 20 de outubro de 1977. Atualmente, há uma avenida que leva seu nome na cidade e também uma honraria chamada “Medalha Laurita Ortega Mari”, promovida anualmente pela Câmara Municipal.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias