Segunda, 25 de março de 2019
13 98165-3027
Polícia

15/03/2019 às 09h39

Taboão da Serra / SP

Governo de São Paulo realiza evento ‘Policial Nota 10’ de fevereiro
O governador João Doria e o secretário da Segurança Pública, general João Camilo Pires de Campos, homenagearam na última quarta-feira (13) 20 policiais que se destacaram em operações ao longo do mês de fevereiro.

Por Elizeu Teixeira Filho, do Jornal SP Repórter

Governo de São Paulo realiza evento ‘Policial Nota 10’ de fevereiro
Governo de São Paulo realiza evento ‘Policial Nota 10’ de fevereiro

O governador João Doria e o secretário da Segurança Pública, general João Camilo Pires de Campos, homenagearam na última quarta-feira (13) 20 policiais que se destacaram em operações ao longo do mês de fevereiro. Os integrantes das polícias Civil, Militar e Técnico-Científica laureados receberam o título de “Policial Nota 10”.


Criado pela atual gestão da Secretaria da Segurança Pública, o programa “Policial Nota 10” tem como objetivo reconhecer e estimular o bom trabalho policial em todo o Estado.


Nesta segunda edição da homenagem, foram destacadas não só ocorrências de policiamento ostensivo, mas também o trabalho do Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt (IIRGD) no auxílio ao reconhecimento de vítimas de acidentes e tragédias, como as ocorridas em Brumadinho (MG), no Ninho do Urubu (RJ) e no acidente aéreo que vitimou o jornalista Ricardo Eugênio Boechat e o piloto do helicóptero, Ronaldo Quattrucci, em fevereiro deste ano, permitindo a rápida identificação das vítimas.


Os agentes do instituto colaboraram diretamente com autoridades mineiras e fluminenses nas duas ocorrências. A operação para a localização de documentos e a identificação de impressões digitais a partir de fragmentos foi coordenada pelos policiais papiloscopistas Edson Campos de Paula e Elizabete Emico Uchida Azevedo, encarregados pelo laboratório de exames necropapiloscópicos e pelo arquivo monodactilar/AFIS, respectivamente. Juntos, eles somam 63 anos de trabalho e dedicação ao IIRGD.


Ainda na esfera investigativa, em 3 de fevereiro, policiais da 4ª Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) desarticularam uma quadrilha de traficantes. Ao todo, quatro criminosos foram presos e cerca de 600 quilos de cocaína apreendidos. A operação foi coordenada pela delegada Leslie Caram Petrus e contou com a participação do investigador Denis Meni Almeida Castro. A droga estava em compartimentos secretos em dois caminhões na Vila Maria, zona norte da capital.


Outras duas ações de destaque no mês de fevereiro representaram golpes ao tráfico de drogas. No dia 5, os cabos Marcelo Fernandes, Willian Alves da Silva e Cássio Henrique Amaral de Freitas, policiais rodoviários do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR) do 4º BPRv (Jundiaí), perseguiram os suspeitos em uma caminhonete até a divisa de São Paulo com Minas Gerais e, com o apoio dos colegas mineiros, cercaram os criminosos. No fundo falso do automóvel, encontraram 55 pacotes com cocaína. Dois homens foram presos.


Em 13 de fevereiro, os soldados Bruno Gimenez Ortiz e Tiago Augusto Frederico e o 3º sargento Fabrício de Oliveira Pinto Fonseca, policiais da Força Tática do 26º BPM/M, patrulhavam um trecho da Rodovia Prefeito Luiz Salomão Chamma, em Franco da Rocha, quando interceptaram um veículo e, na abordagem, encontraram um pacote com cerca de um quilo de cocaína.


Ao questionarem os ocupantes do carro, os policiais conseguiram descobrir o endereço de uma refinaria de drogas na região. No total, foram apreendidos 96,4 quilos de entorpecentes e seis pessoas foram presas.


No mesmo dia, o 2º tenente Marcelo Benedito Ferraz, o aspirante a oficial Thiago Assis Ribeiro e os soldados Flávio Augusto Corrêa e Plínio Carlos da Fonseca libertaram uma vítima que era mantida refém, na região da Vila Jaraguá, na zona oeste da capital. Os policiais do 49º BPM/M recuperaram uma carga roubada, avaliada em cerca de R$ 140 mil. Três homens foram presos.


Combate à pedofilia e crimes fiscais


As outras duas ações de destaque no mês de fevereiro foram executadas pela Polícia Civil. Equipe da Delegacia de Capturas e Delegacia Especiais (Decade), em parceria com policiais da Assistência Policial da Divisão de Vigilância e Capturas, deflagrou uma operação para prender pai e filho, procurados pela Justiça por estupro de vulnerável.


Os dois criminosos são responsáveis por pelo menos cinco estupros contra crianças, incluindo integrantes da própria família. Os dois foram presos. Participaram da ação os policiais civis Thiago Eduardo Barca, Thiago Lima dos Santos e Ubaldo Regis Perossi Carrado.


Em uma ação conjunta entre a Polícia Civil e a Secretaria de Fazenda e Planejamento, foi deflagrada a Operação “Sebo Virtual”, que obteve autorização judicial para realizar busca e apreensão em sedes de grandes empresas suspeitas de participação em um esquema de sonegação de ICMS. A ação foi realizada no dia 31 de janeiro com o objetivo de reprimir fraude fiscal estruturada no comércio de sebo bovino, que teria lesado os cofres públicos em pelo menos R$ 350 milhões.


O delegado Ricardo de Mello Vargas, titular do Setor de Apoio à Fazenda do Estado (Safe), pertencente à Divisão de Investigações sobre Crimes Contra a Fazenda do Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania (DPPC), foi homenageado. Todo o material apreendido está sendo analisado para que os reais beneficiários da fraude sejam identificados e punidos.


Policiais-científicos


Duas policiais técnico-científicas, a perita Marina Bitancourt Sapienza e a fotógrafa técnico-pericial Fátima Nelvina de Oliveira Silva, auxiliaram na resolução do caso do esquartejamento de três pessoas da mesma família, em janeiro, na cidade de Itaquaquecetuba, na região metropolitana de São Paulo.


A ocorrência que gerou destaque para as policiais aconteceu no dia 8 de janeiro. As duas homenageadas encontraram manchas de sangue ocultas durante perícia na casa das vítimas, no bairro da Penha, zona leste de São Paulo.


A partir da análise técnica foi possível determinar como o crime aconteceu. A Polícia Civil prendeu, no dia 9 de janeiro, dois suspeitos de participar da morte. A dupla foi detida em cumprimento ao mandado de prisão temporária expedido pela Justiça. O autor do crime, o terceiro acusado, foi preso em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, no dia 9 de fevereiro, 


 

POR: Elizeu Teixeira Filho/ Fonte Gov. SP

Por Elizeu Teixeira Filho, do Jornal SP Repórter
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook

© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados

Endereço do jornal: Rua Jundiaí, 56, bairro: Arraial Paulista, Taboão da Serra, São Paulo

Jornalista responsável: Elizeu Teixeira Filho. MTB: 50919/SP

Diretora geral: Vilma Kovacs

Site desenvolvido pela Lenium