Segunda, 24 de Junho de 2024
17°C 27°C
Taboão da Serra, SP
Publicidade

Taboão da Serra: Escola Ambiental é certificada pelo Salas Verdes do Governo Federal

O anúncio do recebimento do certificado foi feito pelo secretário de SDUHMA, Nílcio Regueira Dias, durante a abertura oficial da campanha socioambiental Junho Verde 2024

11/06/2024 às 11h00
Por: Por Elizeu Teixeira Filho, do Jornal SP Repórter Fonte: Escrito por Vera Sampaio
Compartilhe:
Escola Ambiental é certificada pelo Salas Verdes do Governo Federal - Foto: SECOM/PMTS
Escola Ambiental é certificada pelo Salas Verdes do Governo Federal - Foto: SECOM/PMTS

Na cidade de Taboão da Serra, o trabalho desenvolvido pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente (SDUHMA), através da Escola Livre de Educação Ambiental (ELEA), foi reconhecido pela Governo Federal.

A escola socioambiental, primeiro equipamento público municipal planejado para possibilitar a vivência, interpretação ambiental e sensibilização para a proteção do Meio Ambiente e ao cuidado com a cidade, recebeu o certificado do projeto Salas Verdes, conferido pelo Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima (MMA) ao locais que atuam como centros de informação e formação ambiental, em consonância com as diretrizes próprio MMA e os princípios da Política Nacional da Educação Ambiental (PNEA).

O anúncio do recebimento do certificado foi feito pelo secretário de SDUHMA, Nílcio Regueira Dias, durante a abertura oficial da campanha socioambiental Junho Verde 2024, realizada na segunda-feira, 5 de junho, data que também é comemorado o Dia Mundial do Meio Ambiente.

Continua após a publicidade

“Estamos muito orgulhosos em receber este certificado que reconhece a nossa Escola Livre de Educação Ambiental como uma Sala Verde, um projeto do Governo Federal, que reconhece espaços de formação e de registro da política de Educação Ambiente em nosso país e nos coloca numa rede de referência nessa questão. Orgulho de fazer parte do Governo Aprígio”, destacou o secretário Nílcio Regueira Dias.

A Escola Livre de Educação Ambiental de Taboão da Serra desenvolve diversos projetos e ações para dialogar com a sociedade sobre a importância dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) - Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) para preservação do meio ambiente.

“Parabenizo todos da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente, pelo trabalho e empenho para tornar a política ambiental acessível a todos. É com atitudes palpáveis e propondo soluções sustentáveis, eficientes e eficazes garantiremos o bem-estar e mais qualidade de vida para todos os taboanenses”, declarou o prefeito Aprígio.

Nova fase da ELEA

Prestes a completar um ano de existência, a ELEA entrará em uma nova fase, com a implementação do Espaço Ecopedagógio Plantar e Cuidar, um parque sensorial bio sustentável.

“A segunda fase de implantação do espaço contempla um parque sensorial, um espaço grande, com vária, atividades, trilhas, pomares, horta, composteira, coleta de água de chuva, que vai ser construído até o final do ano. Isso possibilitará a gente ampliar as atividades e integrar as ações de educação ambiental também com as ações de plantio, colheita saudável, transformação dos resíduos, para fazer um ciclo fechado de toda produção nesse local que será o Espaço Plantar e Cuidar”, explicou a diretora de Meio Ambiente da SDUHMA, Melina Alvarez de Oliveira.

Conheça mais sobre a ELEA

Continua após a publicidade

Localizada na Rua Casablanca, 185, no Parque Monte Alegre, junto ao Viveiro Municipal, a Escola Livre de Educação Ambiental promove diversos programas, como o Semeia ELEA, Amigos do Viveiro Escola, Plantar e Cuidar, ELEA Visitação, ELEA Itinerante e Saberes Ambientais.

O Semeia ELEA conta com capacitação profissional e desenvolvimento oficinas de Biojóias, Jardins no Pote, Reciclagem, Bioindicador, Máscara de Mascotes e Jogos ODS. O Amigos do Viveiro Escola (AVE) procura integrar a comunidade ao espaço, com encontros mensais às sextas-feira. São convidados moradores para participarem e conhecerem o local.

“O Plantar e Cuidar, consiste no plantio de árvores nativas e frutíferas em áreas públicas, como escolas, e envolve a avaliação técnica das espécies mais adequadas ao local, capacitação teórica sobre o manejo das mudas e ação de plantio coletivo”, explica a coordenadora de Educação Ambiental, Deyse Fabiana Brumatti.

O ELEA Visitação, consiste em visitas à escola socioambiental com roteiro guiado, mediante agendamento pelo [email protected] ou pelo telefone (11) 4788-5435. As visitas ocorrem às terças, quartas e quintas-feiras, das 09h às 11h e das 14h às 16h.

O programa Saberes Ambientais promove oficinas de capacitação, tanto sobre Coleta Seletiva, quanto dos Jogos da ODS. Já o ELEA Itinerante, é a realização de oficinas em ações do Governo Municipal, como Prefeitura no Seu Bairro, Impulsiona Taboão ou mediante solicitação de empresas e instituições de ensino, públicas ou privadas.

Serviço:

Continua após a publicidade

Escola Livre de Educação Ambiental (ELEA)

Local: Rua Casablanca, 185 – Parque Monte Alegre

Horário: segunda a sexta-feira, das 09h às 16h

Telefone: (11) 4788-5435

Agendamento: [email protected]

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sem foto
Sobre o município
Saiba tudo o que acontece em Taboão da Serra
Ver notícias
Taboão da Serra, SP
20°
Tempo limpo

Mín. 17° Máx. 27°

20° Sensação
3.09km/h Vento
56% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h49 Nascer do sol
05h29 Pôr do sol
Ter 18° 17°
Qua 28° 16°
Qui 24° 16°
Sex 28° 16°
Sáb ° °
Atualizado às 23h05
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,81 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,13%
Bitcoin
R$ 361,785,18 -1,62%
Ibovespa
121,341,13 pts 0.74%
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias