Prefeitura de Taboão da Serra
São Paulo

Estado de São Paulo registra 40 óbitos ligados ao coronavírus

Na grande São Paulo as cidades com registro de óbitos foram Guarulhos (mulher, 85 anos), Taboão da Serra (mulher, 84) e Osasco (homem, 79).

24/03/2020 18h04
Por: Por Elizeu Teixeira Filho, do Jornal SP Repórter
Fonte: Governo de São Paulo
Estado de São Paulo registra 40 óbitos ligados ao coronavírus
Estado de São Paulo registra 40 óbitos ligados ao coronavírus

SÃO PAULO : A Secretaria de Estado da Saúde registrou o total de 40 óbitos relacionados à COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, nesta terça-feira (24). Todos ocorreram na Grande São Paulo. Dos dez novos óbitos confirmados desde esta segunda-feira (23), são seis homens (71, 75, 79, 80, 89 e 93 anos) e quatro mulheres (48, 65, 84 e 85 anos).

A mulher de 48 anos tinha comorbidades e era de Vargem Grande Paulista. As outras cidades da Grande São Paulo com registro de óbitos foram Guarulhos (mulher, 85 anos), Taboão da Serra (mulher, 84) e Osasco (homem, 79). Pessoas com comorbidades e idosos configuram grupo de risco.

Entre o total de mortes registradas até o momento, 37 ocorreram em hospitais privados e três, em hospitais do Sistema Único de Saúde (SUS). O Estado também registra 810 casos confirmados.

Hospital em Caraguatatuba

O Governador João Doria confirmou nesta terça-feira (24) que o Hospital Regional do Litoral Norte, em Caraguatatuba, terá a abertura antecipada para atendimento prioritário a pacientes infectados pelo coronavírus. A unidade será aberta ao público na próxima segunda-feira (30).

“Esse hospital já estará operando, a partir do dia 30 de março, a sua primeira etapa de Unidades de Terapia Intensiva. A segunda etapa será no dia 15 de abril. Isso vai melhorar a assistência da população que vive no litoral norte”, afirmou Doria em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

A abertura dos leitos de UTI estava inicialmente prevista para o final deste semestre. Inicialmente, serão disponibilizados 20 leitos, sendo dez de UTI e dez de enfermaria. Também está prevista a abertura de outros dez leitos de UTI na segunda quinzena de abril.

Coordenadora interina do Centro de Contingência do Coronavírus, a médica Helena Sato ressaltou a importância de que moradores de todas as regiões de São Paulo cumpram as medidas de isolamento para evitar a disseminação do vírus. “Ficar em casa é a vacina que nós temos. Essa é a grande responsabilidade de todos nós enquanto cidadãos”, disse.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários