Segunda, 10 de Agosto de 2020
11 98407-4416
Cidades Taboão da Serra

Veja algumas curiosidades sobre Taboão da Serra

Aproveite o tempo disponível na quarentena para saber um pouco mais da cidade

12/04/2020 02h21
Por: Por Elizeu Teixeira Filho, do Jornal SP Repórter Fonte: Redação
Foto: Ricardo Vaz
Foto: Ricardo Vaz

Nesta quarentena, um modo de distrair a cabeça é focar em novos aprendizados. E para quem mora e gosta de Taboão da Serra, uma maneira bem legal de se fazer isso é conhecer um pouco mais de coisas que envolvem o município.

Pensando nisso, o Jornal SP Repórter separou nesta reportagem algumas curiosidades sobre a cidade. Confira:

1- Uma das menores cidades do Estado de São Paulo em território

Apesar de possuir uma grande população, com mais de 300 mil habitantes, a cidade é o quarto menor município, em área geográfica, do Estado de São Paulo, ficando atrás de Poá, com área de 17,1 km², São Caetano do Sul com 15 km² e Águas de São Pedro, com 3,5 km².

2- Primeira mulher eleita prefeita do Brasil após a redemocratização de 1946

As mulheres são iguais aos homens e têm que ter os mesmos direitos e espaço na sociedade. Porém isso não era tão colocado em prática em décadas passadas. E foi na década de 1960 que Taboão da Serra deu um exemplo ao Brasil, elegendo a primeira mulher para o cargo de prefeita do país. Em 1963 venceu para comandar a cidade Laurita Ortega Mari. O fato chamou a atenção de todo o Brasil. Só para se ter ideia, as mulheres só puderam ter direito ao voto no Brasil em 24 de fevereiro de 1932. Um dos principais jornais, O Estado de São Paulo, abordou o acontecimento em Taboão na sua edição de 18 de outubro de 1963.

3- Origem do nome da cidade

O nome Taboão, já utilizado na documentação oficial desde o século XVIII, vem do fato da região existir uma planta denominada taboa, que cresce em locais de muita água por exemplo, no cruzamento do Córrego Poá com o Pirajuçara. A Taboa é conhecida como “capim dos brejos”, planta bastante rústica que está presente em vários pontos do planeta. Em tupi, os indígenas chamavam tal planta de “peri-peri”.

4- Taboão da Serra tem árvore-símbolo. Sabia?

Tboão da Serra já foi uma cidade bem rural antes dos anos 70. E uma das árvores que tinha em abundância e que ainda sobrevive é a Pitangueira. Há uma que, especialmente, que marcou história. Ela ficava em frente à venda de José André de Moraes (Seo Zeca). Conhecida pelos antigos moradores de Taboão da Serra, a pitangueira foi oficialmente instituída como árvore símbolo do município, através da Lei 1934/2010. Atualmente, vários bairros da cidade possuem muitos pés de pitanga, como a Vila Iasi, entre outros.

5- Instituto Pinheiros foi sediado em Taboão e produziu vacinas

A região da atual Vila Iasi, no Arraial Paulista, é o terceiro núcleo de desenvolvimento, pois entre os anos 1930 e 1960 funcionou o Instituto Pinheiros, grande indústria farmacêutica voltada para a produção de vacinas nos moldes do Instituto Butantã. O instituto representou na época a industrialização da região, inúmeras foram as contribuições dessa indústria no alvorecer da cidade de Taboão da Serra, mas talvez a maior delas tenha sido no campo político. A esse respeito é possível observar a presença de seus funcionários entre os primeiros emancipadores e políticos eleitos na região. Funcionários do instituto, proprietários de olarias, chácaras e comércio na região articularam a chamada Comissão dos 9, que organizou e promoveu o processo de emancipação.

6- Taboão da Serra tem o seu Cristo Redentor

Talvez muitos não saibam, mas Taboão da Serra possui um Cristo Redentor no alto do morro da Vila Pazzini. Inclusive, a estátua é citada no Hino Oficial da cidade, escrito por Waldemar Gonçalves. "Também tem, no alto do morrro, nosso Cristo Redentor", diz a letra. De acordo com relatos históricos, a estátua existe antes mesmo da fundação de Taboão da Serra como município, o que faz dele um patrimônio histórico e cultural do município, proibido, inclusive, sua “remoção, demolição ou obras que prejudiquem de forma direta ou indireta sua preservação ou visibilidade”, com proteção permanente. Esta consideração pelo Cristo é lei na cidade. A autoria, na Câmara Municipal, foi do então vereador Paulo de Souza Félix, através da Lei n° 1631/2006. Ainda de acordo com o texto, em seu artigo 1°, “A estátua do Cristo Redentor, localizada nos altos da Vila Pazzini e seu entorno, conhecido como "Morro do Cristo" ficam incorporados ao patrimônio histórico e cultural do Município”.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Saiba tudo o que acontece em Taboão da Serra
Taboão da Serra - SP
Atualizado às 16h07 - Fonte: Climatempo
27°
Alguma nebulosidade

Mín. 14° Máx. 27°

26° Sensação
9 km/h Vento
26% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (11/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 29°

Sol com algumas nuvens
Quarta (12/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias