Domingo, 05 de Julho de 2020
11 98407-4416
Cidades Taboão da Serra

Taboão da Serra: “Comportamento da população vai definir se vamos ter colapso ou não”, diz secretária de Saúde

Dra. Raquel Zaicaner reiterou a necessidade de as pessoas fazerem o isolamento social

07/05/2020 01h24
Por: Por Elizeu Teixeira Filho, do Jornal SP Repórter Fonte: Redação
Foto: PMTS
Foto: PMTS

Taboão da Serra não está em colapso. Contudo, a manutenção desse cenário ainda em controle irá depender de como a população se cuidará com hábitos necessários, como o distanciamento social. A consideração foi feita pela secretária municipal de Saúde, Dra. Raquel Zaicaner, ao lado do prefeito Fernando Fernandes, em coletiva de imprensa concedida nessa quarta-feira, 6.

“Se vamos ter uma situação insustentável ou de colapso vai depender muito do comportamento da população. Até agora, por mais que estamos acompanhando um crescimento, um aumento de internações, da procura do Hospital de Campanha, a gente tem observado que os casos chegam mais graves, temos observado um aumento do tempo para se conseguir um leito de UTI. O que antes se conseguia em duas horas, agora demora oito horas, 12 horas, 24 horas, tivemos dias de ter que esperar até 48 horas para conseguir um leito, mas a gente não pode caracterizar que isso é o colapso. Primeiro, porque a gente está com dois pacientes no tubo e nós temos mais respiradores que daria para estar com 13 pacientes em respiradores ao mesmo tempo sem ter que mobilizar respirador de nenhum outro serviço. Se a gente precisar, ainda temos uma brecha para aumentar o número de respiradores disponíveis. Então não estamos no colapso, mas nenhum de nós quer chegar num colapso! 

Até a quarta-feira, a cidade  registrava 690 casos notificados; 273 descartados, 226 confirmados; 163 em andamento, 137 curados e 28 óbitos . No Hospital de Campanha há 38 internados e até hoje foram 116. Na UPA se tem 10 pessoas internadas e 2 no tubo".

O prefeito Fernando Fernandes também falou sobre a situação no município e os cuidados para se evitar que se chegue em uma situação difícil. "É de ter de escolher quem vai viver e quem vai morrer, e aí, isso não é justo e só temos um caminho para evitar isso, o isolamento social. A economia tem jeito e a vida não!". Ele frisou ainda que imprensa tem sido muito responsável: "A imprensa tem dado as informações corretas. Precisamos lutar para não deixar que este assunto seja politizado, e o que a gente vê é a politização de assunto sério, um assunto que trata de vida e quem tem que falar o que tem que ser feito é a ciência da medicina e as minhas atitudes são pautadas por isso mesmo e vou observar aquilo que a Secretaria de Saúde e os especialistas que estão dando as diretrizes cientificas para epidemia e eles que temos que seguir". 

A preocupação do prefeito é com o aumento da procura de atendimento e, segundo ele, o número de internações cresceu muito rápido: "começamos com 10 e agora estamos com 38 internações. Taboão tem 280 mil habitantes e muitos não estão vendo isso de perto, e só vai ver quando um parente, um vizinho estiver nesta situação. Todas as pessoas que são entrevistadas e perderam um ente querido, elas são unanimes nas suas falas, é, o povo não tá acreditando!".  O prefeito também faz um apelo as pessoas para evitar ficar aglomeradas "Ficar passeando, fazendo rodinha, isso é desnecessário, e isso pode ser evitado".  

Dra. Raquel lembrou ainda que os baixos níveis de isolamento registrados nos últimos dias irão refletir em pouco mais de duas semanas. “Vamos se cuidar, vamos fazer isolamento social, usar máscara. Todos os estudos de cenário dependem do grau de isolamento social. O que aconteceu nessa semana passada do isolamento social estar abaixo de 50% vai refletir em 15 dias”.

Fernando Fernandes também cumpre um papel importante e reiterou que o isolamento social necessita ser feito, mesmo que haja dificuldades. “Não é fácil. Faz dois meses que eu não tenho contato com os meus netos, presencial. Sofro muito com isso. Mas eu tenho que fazer isso. É uma questão de responsabilidade. E eu não sou diferente, não sou imune, meu neto não é imune. São situações duras, mas temos que fazer”.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Saiba tudo o que acontece em Taboão da Serra
Taboão da Serra - SP
Atualizado às 17h52 - Fonte: Climatempo
25°
Alguma nebulosidade

Mín. 13° Máx. 26°

25° Sensação
15 km/h Vento
39% Umidade do ar
0% (1mm) Chance de chuva
Amanhã (06/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 25°

Sol com muitas nuvens
Terça (07/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias