Sexta, 05 de Março de 2021
11 98407-4416
Taboão da Serra Taboão da Serra

Presidente da Câmara de Taboão da Serra fala sobre protesto do funcionalismo público contra perda salarial

Servidores fizeram manifestação no estacionamento do Poder Legislativo no mesmo dia, horário e local do evento em celebração ao aniversário da cidade

20/02/2021 14h42 Atualizada há 2 semanas
Por: Por Charles Eliseu, para o Jornal SP Repórter Fonte: Charles Eliseu, jornalista
Presidente Carlinhos se colocou a disposição para dialogar com o funcionalismo. Foto: Leandro Barreira/CMTS
Presidente Carlinhos se colocou a disposição para dialogar com o funcionalismo. Foto: Leandro Barreira/CMTS

Um grupo de funcionários públicos das Secretarias de Assistência Social e Educação de Taboão da Serra fez uma manifestação contra o reajuste da alíquota de contribuição previdenciária de 11% para 14%. O protesto, no dia 18, aconteceu simultaneamente ao evento realizado dentro da Câmara Municipal em celebração ao aniversário da cidade .

O prefeito Aprígio e o vice-prefeito conversaram com os servidores municipais, ao chegarem ao evento, conforme publicou o Jornal SP Repórter (veja a matéria completa). Com o posicionamento dos líderes do Executivo, a reportagem também procurou, ao término do evento promovido pela Câmara, ouvir o presidente do Legislativo, Carlinhos do Leme, a respeito da situação.

“É legítimo, temos que respeitar cada manifestante, nosso país é livre, desde que seja feito de forma ordeira. Se chegarem em mim os representantes do movimento, não durante um evento importante, em que a cidade faz 62 anos, a gente está a disposição para que possamos discutir, explicar ou até mesmo entender quais são as reivindicações”.

Também ao término do evento em celebração ao aniversário de emancipação do município, a reportagem informou para Carlinhos que, mais cedo, o prefeito e o vice-prefeito dialogaram com o grupo no estacionamento da Câmara e que se comprometeram a realizar um encontro nos próximos dias e pediu um posicionamento do parlamentar.

“Acho democrático da parte do Aprígio, nem sabia que ele tinha sido abordado na entrada da sessão. Acho democrático e não se espera outra coisa de um prefeito que acabou de tomar posse. Acho que a Câmara vai estar junto nessa reunião para poder dialogar e entender. Os funcionários ficaram muitos anos sem aumento e, então, talvez seja aí as novidades que o prefeito esteja marcando essa reunião. No orçamento que foi aprovado, com algumas emendas, está lá alguns benefícios”, disse Carlinhos, ressaltando que deseja estar na reunião e que a “Câmara vai contribuir no que for possível”.

O movimento do funcionalismo luta por reajuste salarial e é contra o aumento da contribuição previdenciária de 11% para 14% aprovado pela Câmara Municipal no dia 11 de fevereiro, iniciativa do parlamento que ocorre após a Reforma da Previdência aprovada em 2019.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Saiba tudo o que acontece em Taboão da Serra
Taboão da Serra - SP
Atualizado às 00h24 - Fonte: Climatempo
22°
Muitas nuvens

Mín. 21° Máx. 27°

22° Sensação
24 km/h Vento
73% Umidade do ar
90% (25mm) Chance de chuva
Amanhã (06/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 26°

Sol com muitas nuvens e chuva
Domingo (07/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 27°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias